Festa de 1 ano em detalhes - Parte 2 de 2



O Post 1, você pode acessar AQUI


Continuando o texto da mamãe Marcela:


Fiz uma lista do que gostaria de ter na mesa e vamos lá. Foi quando pensei, mas até agora só tenho os dois pratinhos de andar no que colocarei as outras coisas? Foi apenas mais um dos problemas que 


encontrei nessa trajetória... Em muitas das minhas voltas pela internet consegui comprar pratos com pés de cerâmica que eram exatamente o que eu estava esperando, outros pratos retangulares e outros redondos. Como já estava cansada de procurar e não encontrar acabei comprando nesse site mesmo. Quando chegou a minha casa a caixa era tão enorme que o Caio brincou dentro dela vários dias rs. O único  problema é que a louca aqui só olhou os tamanhos mentalmente nem se deu ao trabalho de pegar uma régua e quando chegou era um tanto exagerada, mas deu certo!
Não fazia ideia de qual lembrancinha dar, o que teria na mesa, o que teria atrás da mesa, e um milhão de dúvidas surgiram foi quando descobri esse site! Olhei cada post com olhinhos brilhando e esperando encontrar cada coisinha que estava faltando. Assim eu defini que atrás da mesa teria o painel de fitas, lembrancinha seriam os potes de papinha, e decidi as outras coisas que teriam na mesa cup cakes, brigadeiros de copinho, danoninho de copinho, Dan tops, garrafinhas de água azuis, pirulitos, balas de coco, não sei se essas coisas estavam combinando, mas em minha cabeça e no meu coração de quem nunca teve uma festa de aniversário estava fazendo todo sentido do mundo!
Vocês se lembram que aluguei apenas o salão... Nada de comida, nem bebida! O que fazer? Testei de várias pessoas que prestavam esses serviços e mais uma vez não gostei de nada. Aí veio a ideia mais louca que eu poderia ter tido, e na verdade não recomendo isso para ninguém: vou fazer tudo eu mesma! Meu marido iria estar de férias e poderia cuidar do Caio enquanto eu botava a mão na massa... Foi o que eu fiz!
Desde o dia 5 de novembro comecei a produzir coxinhas, kibes, empadinhas de palmito, tortinhas de queijo, esfihas de calabresa e carne (1000). Congelei tudo e distribui na casa da minha mãe e da minha tia, já que elas iriam fritar no sábado antes da festa. Fiz também brigadeiros, brigadeiros brancos e beijinhos (700) na quarta que antecedeu a festa, mas esses não congelei, pois fiquei com receio de que ficasse duro, na verdade não sabia como proceder rs deixei na geladeira e tirei de manhã, já os de copinhos fiz de madrugada e também os danoninhos. Fiz ainda hot dogs, sanduiches de carne maluca e também batatinhas em conserva. Ficou tudo muito bom de verdade!
Falhei bastante na decoração, mas na comida... Essa ficou tudo de bom! Com sabor de festa de antigamente daquelas que a família inteira botava a mão na massa só que nesse caso foi tudo a mamãe!
E o melhor de tudo foi o elogio que recebi: Está parecendo o seu casamento! Isso não teve preço!
Meu filho estava manhoso, chorão e tudo mais que uma criança pode fazer no seu primeiro aninho, mas essa foi a MINHA festa! Foi a minha comemoração pelo primeiro ano na minha nova vida de mãe...
No entanto preciso revelar o que aprendi com essa festa...
  • 1.       Quando fizer a lista de convidados prenda-se a quem faz parte da vida da criança de verdade e não apenas para fazer número.
  • 2.       Solicite que as pessoas confirmem presença, pois no nosso caso muitas pessoas que disseram antes da festa acontecer que estariam presentes não apareceram e vieram com as desculpas mais esfarrapadas da terra e olha que rolou um save the date em agosto hein?! Inventaram desculpas que tiveram outros compromissos ou coisas do tipo. Muitas vezes abrimos mão de convidar determinadas pessoas para convidar outras que não dão um pingo de valor... Esse ano será 50 convidados e terão que confirmar presença sim! ´Porque sobrou tanta comida que se não tivesse “obrigado” as pessoas a levarem para casa acho que teria coisas congeladas ate agora... rs
  • 3.       Não se aventure fazer tudo na parte de alimentação! Vc vai se cansar demais e quando pensar que estará fazendo economia, não estará, sai BEM mais caro... Enquanto estiver planejando a festa vai provando quitutes de diversas pessoas e assim poderá encontrar alguém que faça coisinhas legais e gostosinhas!!! Eu já encontrei onde vou comprar as desse ano para terem uma ideia! Rs
  • 4.       Personalizados... Não vou falar dos meus do ano passado e sim falarei o que vou fazer esse ano. Assim tirem suas próprias conclusões. Fui a 25 de março comprei um monte de coisinhas (como sou professora usarei sempre essas bugigangas nas mostras culturais, feira de ciências e festas dos parentes!) e coloquei marido, primo e compadres para me ajudarem a elaborar as artes  e todas as partes de personalização da festa. Assim ficará como EU quero
  • 5.       Contrate alguém para servir! Fiz isso ano passado e não me arrependo... Afinal vc terá que atender seus convidados e não vai ficar se preocupando se as pessoas estão sendo bem servidas...
  • 6.       Contrate alguém para fotografar! Melhor investimento e se puder contrate a Renata ela é uma querida... Capturou cada detalhe da festa que eu nem tinha noção existir e super recomendo o trabalho dela. Se não puder fazer isso deixe alguém com essa tarefa que vá se responsabilizar de verdade, mas veja antes se esta pessoa não corta cabeça, braço, pescoço, aniversariante ou coisas do tipo, pois você também não terá tempo de fazer isso. "











E essa é família linda do Caio:

Fotografia: Renata Coelho


Quero agradecer a mamãe Marcela por compartilhar conosco detalhes e fotos dessa festa tão linda.
E também a minha amiga Renata Coelho, por estar sempre presente nesse blog!

Espero que tenham gostado!
Anine Pinheiro








Postagem em destaque

Como fazer Pirulito de Biscoito com Chocolate

O pirulito de chocolate feito com Bolacha tem ganhado espaço nas festas infantis. Receita fácil de ser preparada, com preço mais em c...

Publicidade

receba por e-mail!

Cadastre-se e receba novidades por e-mail:

já curtiu?

TOP 5!

Publicidade!

Seguidores!

Visitas

Publicidade!

Publicidade!

Link-me