Festa Tema Safari, 2 anos do Samuel


  
Simone é mãe do Samuel, festeira assumida e minha amiga pessoal.
Mês que vem essa festa já completa um ano, mas mesmo se achando atrasada para o post, ela resolveu compartilhar aqui no blog um relato emocionante sobre como foi preparar a festa de dois anos do seu filho.
Uma festa rica em detalhes, não só de decoração, mas de detalhes emocionantes e é isso que encanta em uma festa. Não simplesmente a beleza da festa em si mas também o por quê de se comemorar!
Parabéns Amiga! Realmente foi uma comemoração muitíssimo especial!
Vamos comemorar a vida, sempre!



Por Simone Daher, mãe do Samuel
" Segue meu relato (atrasadíssimo) sobre o aniversário de 2 anos do Samuel. Foi uma época muito turbulenta na minha família, (minha mãe tinha acabado de fazer um transplante e meu irmão se casaria no mês seguinte) mas ainda assim eu não podia deixar de comemorar a vida do meu pequeno. Convidei aqueles amigos essenciais, aqueles que estavam comigo na hora da dificuldade mesmo. Como precisei ficar um tempo com a minha mãe em outra cidade, tive 1 mês pra preparar tudo, e para isso contei com a ajuda das amigas festeiras frequentadoras do blog.


A festa foi numa chácara e o tema foi escolhido foi Safári, visto que eu já tinha uma coleção de pelúcias da Floresta que seriam a base da decoração (Coleção distribuída pela Nestlé na Páscoa daquele ano – uma grande amiga juntou todos os bichinhos pra mim).  Peguei um monte de coisas emprestadas com as amigas, usei sobras da decoração de 1 ano, explorei os móveis da casa. O melhor da festa foi estar reunida com os amigos mais chegados, comemorando também o sucesso do transplante da minha mãe, que conseguiu voltar a tempo pra festa.
A festa começou às duas da tarde e foi até as nove da noite. Sem horários fixos, sem buffet recolhendo as mesas (aliás, nem tinha mesas). Espalhei o povo pelos banquinhos no quintal, e tentei fazer com que cada um se servisse, mas por fim eu fiquei toda abafada tentando agradar os tímidos. Lição pro próximo ano: Contratar um garçom!








 A decoração começou na varanda: Cordas de sisal com folhas de TNT coladas, imitando cipó. (Sobras do aniversário do Miguel, que também decoraram a festa do Iales... e por aí vai!)
Na floreira, as mudinhas.


Lá vai a mesa: O nome eu fiz com papelão e recobri com tecido e cola. Tortinho, né? Não parecia tão torto... rsrsrsrs. No próximo níver é melhor imprimir! Usei uma das cordas da varanda pra fazer a moldura.
Não tenho paciência para bolas, então fiz pompons de papel crepom e pendurei no teto com fio de nylon. Facílimo de fazer.
Aquela prateleira lá no canto esquerdo era um pedaço de armário que ainda não estava instalado e eu não tinha onde esconder, enchi de garrafinhas de água, potes de papinha cheio de balas e as mudinhas de flores que eu dei de lembrancinhas.
Aliás, essas mudinhas deram um show à parte. Recortei o fundo de caixas de suco para o primeiro aniversário, não usei e guardei aquele monte de tranqueiras, que me salvaram ao preparar uma festa às pressas. Para que as mudas não ficassem pingando àgua, coloquei nessas caixinhas e envolvi com retalhos de TNT colorido, amarrei com fitilho. Quando visito alguns amigos, até hoje eles me mostram: Tá vendo aquela plantinha ali... ela é do aniversário do Samuel!



Em detalhes: revesti duas caixas de papelão com papel de presente de oncinha, mas ao colocar na mesa reparei que estavam pequenos, então achei os vidros de um antigo criado mudo e coloquei por cima.
Os coqueiros foram os centros de mesa que sobraram do aniversário de 1 ano, o bolo... quem viu as fotos do 1º ano do Guilherme (Tema arca de Noé), já conhece.
As bandeirolas eu imprimi em casa, recortei colei no palito de dente. Facílimo. Com as tags da colherzinha eu fiz o mesmo, mas a qualidade da impressão não ficou legal. Recomendo mandar para a gráfica.



Por fim, um aparador no corredor da casa virou a mesa de doces.
O porta pirulitos era  centro de mesa de um aniversário de um primo que eu fui 3 anos antes. Minha irmã fez os docinhos e minha cunhada o brigadeiro de colher. Os potinhos de papinha eu já havia juntado há um tempo, pintei as tampas com uma tinta que estava jogada na garagem do meu pai, mas como sobrou tecido de zebra eu resolvi recobrir as tampas, baseada num post deste blog.
Mandei fazer adesivos na gráfica, junto com os adesivos da garrafinha d’água.
Enfim, para uma festa feita na super correria... até que não ficou tão ruim (pelo menos eu gostei) e aprendi que é possível fazer uma coisinha engraçadinha e original sem precisar gastar muito (quem tem amigos tem tudo) – e um estoque de cacarecos também ajuda. Pasmem, eu gastei míseros R$ 50,00 com a decoração!
E cá estou eu, rumo à terceira festa. Frequentando este blog todos os dias à procura de novidades..."

A festa de um ano do Samuel, com tema praia, vc pode conferir AQUI


Postagem em destaque

Como fazer Pirulito de Biscoito com Chocolate

O pirulito de chocolate feito com Bolacha tem ganhado espaço nas festas infantis. Receita fácil de ser preparada, com preço mais em c...

Publicidade

receba por e-mail!

Cadastre-se e receba novidades por e-mail:

já curtiu?

TOP 5!

Seguidores!

Visitas

Link-me